Maçonaria é demoníaca

 

Descrição da Organização da Maçonaria

Ouçamos o autor maçom Manly P. Hall descrever essa organização bidimensional que é a Maçonaria. A Maçonaria é formada de duas organizações distintamente diferentes, uma visível, e a outra invisível. Hall descreve essa organização de dois níveis: [Hall foi honrado pelo The Scottish Rite Journal, que o chamou de "O Ilustre Manly P. Hall', em setembro de 1990, e também de 'O Maior Filósofo da Maçonaria', dizendo, "O mundo é um lugar muito melhor por causa de Manly P. Hall, e somos melhores pessoas for termos conhecido a ele e a sua obra"]. Isto foi o que Manly P. Hall escreveu:

"A Maçonaria é uma fraternidade dentro de uma fraternidade - uma organização exterior que esconde uma irmandade interior dos eleitos.... é necessário estabelecer a existência dessas duas ordens separadas, porém independentes, a visível e a outra invisível. A sociedade visível é uma esplêndida camaradagem de homens 'livres e aceitos' que reunem-se para dedicarem seu tempo às atividades éticas, educacionais, fraternais, patrióticas e humanitárias. A sociedade invisível é uma fraternidade secreta e augustíssima [de majestosa dignidade e grandiosidade], cujos membros dedicam-se ao serviço dos arcanos [segredos, mistérios]." [Lectures on Ancient Philosophy, Manly P. Hall, pg 433]

Muitos homens bem intencionados são membros dessa sociedade visível sem saberem absolutamente nada da sociedade invisível. Na verdade, Albert Pike, um dos mais importantes autores maçons, teve algumas coisas a dizer sobre os irmãos da sociedade visível: "A Maçonaria, como todas as religiões, todos os mistérios, o Hermetismo, e a Alquimia, esconde seus segredos de todos, exceto dos adeptos e sábios, ou eleitos, e usa falsas explicações e falsas interpretações sobre seus símbolos para enganar aqueles que merecem somente ser enganados; para esconder a verdade, que chama de Luz, e afastá-los dela." [Morals and Dogma , pg 104-5, Terceiro Grau].

Pike também revela que "Não ensinamos a verdade de nenhuma das lendas que citamos... reproduzimos as especulações dos filósofos, dos cabalistas, dos mistagogos [sacerdotes que tinham a função de iniciar os neófitos nos Mistérios de Elêusis, na antiga Grécia] e dos gnósticos."

"Quando o maçom aprende que o segredo para o guerreiro é a correta aplicação do dínamo do poder da vida, ele aprendeu o mistério de sua Arte. As energias ardentes de Lúcifer estão em suas mãos e antes que ele possa avançar para a frente e para cima, precisa provar sua capacidade de aplicar corretamente a energia." [The Lost Key to Freemasonry, Manly P. Hall, publicado pela Macoy Publishing and Masonic Supply Company, Richmond, Virgínia, 1976, ênfase adicionada]

 

Maçonaria: Duas Organizações, Uma Visível, Outra Invisível - CLIQUE AQUI

Como já se deu a entender, a característica-chave da maçonaria é o segredo. Já se disse que inclusive muitos maçons dos graus azuis e vermelhos morrem sem saber o que é verdadeiramente a maçonaria. Copin Albancelli, do grau 22, que se retirou da maçonaria depois de ter sido convidado a fazer parte do Círculo Interior que se esconde por trás dos altos graus, em que ele jamais havia pensado que existisse, ao descobrir as autênticas finalidades da organização, declarou em seu livro Le pouvoir occuIte, que a maçonaria está dividida em três grupos:

* Os graus azuis, que não são iniciados em nenhum segredo importante.

* Os graus vermelhos, que, apesar de acreditarem que conhecem os segredos, nem mesmo são conhecedores da verdadeira finalidade perseguida pela ordem.

* O "Círculo Internacional Interior", a saber, os verdadeiros mestres que se escondem por trás dos altos graus, mas que na verdade dirigem a ordem.

O livro pró-maçônico La Masoneria en Madrid diz que inclusive alguns "grandes mestres" vivem imersos em suas éticas filosóficas sem saber quem são verdadeiramente os chefes. Estes os empregam como anteparo para serem eles, na realidade, os autênticos possuidores do poder.(RUITER, Robin de. El Poder detrás de los Testigos de Jehová. Chihuahua, 1994, 39.) .

O maçom do grau 33, Albert Pike, afirma o seguinte em seu livro MoraIs and Dogma of the Ancient and Accepted Scottish Rite of Freemasonery (Richmond 1871): "Aos graus azuis da franco-maçonaria só se ensina parte dos símbolos e são desnorteados intencionalmente com interpretações falsas. Não se espera que os entendam, mas se espera que acreditem que estão entendendo. O verdadeiro significado se reserva somente para os soberanos da maçonaria. Deixam que os membros dos graus azuis pensem que eles abrangem toda a franco-maçonaria. A maçonaria é uma verdadeira esfinge, que se mantém oculta até a cabeça na areia que se amontoou durante séculos".

Aos maçons horroriza falar de Gabriel Jogand Pages, melhor conhecido como Leo Taxil. Esse, em seu livro Los misterios de Ia francomasonería, acusou os maçons de adoradores do diabo. Em outra obra intitulada Les Freres Trois Points (Paris 1885) diz que. as práticas dos maçons estão baseadas em um culto diabólico em que se louva Lúcifer. Em 1891 publicou o livro Soeurs maçonnes, no qual informa detalhadamente sobre a missa satânica que se celebrava entre os maçons de altos graus dos "Cavaleiros de Padilha" do "papa diabólico" Albert Pike, o primeiro grande líder dos iluminados nos Estados Unidos.

Apesar de se haver provado que Taxil era um farsante expulso de uma loja de Marseille, é preciso interrogar se por isso as acusações a respeito do íntimo parentesco entre a maçonaria e o luciferianismo ficam refutadas. A resposta tem de ser negativa, porque evidentemente os graus mais elevados da maçonaria pertencem à elite de Satanás. A Rivista della Massoneria Italiana, do ano 1887, página 27, declara descaradamente que a maçonaria considera Satanás como seu chefe supremo.

Em 1937, o maçom francês Albert Lantoine, grau 33 e membro do Conselho Supremo escocês, publicou uma longa Carta ao Soberano Pontífice, na qual reconhece: "Os franco-maçons são servidores de Satanás, e vós, guardiães da Verdade, sois servidores de Deus". Em uma carta a seu amigo Leon de Poncins, perito em sociedades secretas, reafirmou o acima mencionado: "Nós somos servidores de Lúcifer".

Em 1935, Fara, estudioso da maçonaria, em A maçonaria e sua obra, diz o seguinte: "A cerimônia para o grau 29 (Baphomet) celebra-se sob um signo panteísta: uma cabeça de bode com uma tocha entre os cornos, com asas de arcanjo, braços e mãos de homem, corpo de mulher com uma rosa e uma cruz no peito".

Também o arcebispo francês Leon Meurin, em seu livro A franco-maçonaria - Sinagoga de Satanás, afirma que acontece entre os maçons e os iluminados a adoração do diabo.

O austríaco, antimaçom e político, Dr. Friederich Wichtl, em seu livro Welifreimauererei - Weltrevolution - Weltrepublik (München 1919), escreve: "os maçons consideram Satanás como seu chefe supremo e seu deus" .

Não obstante, as palavras do maçom Albert Pike, em As instruções aos 23 Concílios Supremos do Mundo, de 14 de julho de 1889, são mais esclarecedoras: A doutrina do satanismo é uma heresia; e a verdadeira e pura religião filosófica é a fé em Lúcifer, tal qual em Adonai; porém Lúcifer, "Deus da Luz e Deus do Bem", está lutando a favor da humanidade contra Adonai, Deus da Escuridão e do Mal.(Cf. QUEENSBOROUGH, Lady. Occu/t Theocracy. California, Christian Book club of América, 1931, 220f. )

O certo é que, como escrevem os autores do livro Os fabricantes de deuses, "A maçonaria tomou a filosofia antiteísta das religiões mistéricas que distorcem o que a Bíblia ensina, transformando Lúcifer em Deus e Deus em Satanás". (Ed Decker & Dave Hunt. Los fabricantes de dioses. Minneapolis, 1987, 112. )

Não resta dúvida que os maçons ordinários não só esfregarão os olhos depois de ler todas estas citações, mas também dirão: "Isto é mentira, não pode ser verdade". Para todos eles é importante recordar as palavras do maçom Albert Pike e de Copin Albancelli quanto a manter deliberadamente na ignorância os graus azuis. 

 

O ANTICRISTO - PODER OCULTO POR TRÁS DA NOVA ORDEM MUNDIAL (IMPORTANTE - Ordem maçônica no mundo, por trás da 1ª e 2ª Guerra mundiais, Ataques de 11 de setembro, Madri e o poder oculto que está por trás do mundo)

"Há um poder tão organizado, tão sutil, tão completo e tão infiltrador, que eles fariam bem em não falar mais alto que sua própria respiração quando falarem em condenação a ela". [Presidente Woodrow Wilson, "The New Freedom", citado em The New World Order, de A. Ralph Epperson, pg 32-33, ; também citado pelo Dr. Dennis Cuddy, em Secret Records Revealed, pg 24-25]

"Uma mão invisível está guiando o populacho." [Lafayete, The New World Order, de A. Ralph Epperson, pg 32-33, ]

Essa "mão invisível" sobre a qual Lafayette falou é a dos Illuminati, e a parte frontal dos Illuminati é a Maçonaria. Líderes iluministas-chave sempre falam de forma elogiosa sobre a fraternidade maçônica. Veja, por exemplo, Alice Bailey, diretora da Casa da Teosofia. Bailey escreveu como um conduite para seu espírito-guia demoníaco, Mestre Dwhal Khul, em The Externalisation of the Hierarchy:, um livro monumental dedicado ao estabelecimento da Nova Ordem Mundial e seu Cristo [o Anticristo].        

 "O Movimento Maçônico... atenderá às necessidades daqueles que podem, e devem, exercer o poder. Ele tem a custódia da lei; é o lar dos mistérios e o assento da iniciação. Ele tem em seu simbolismo o ritual da deidade e o caminho da salvação é preservado em sua obra. Os métodos da deidade são demonstrados em seus Templos e sob o Olho Que Tudo Vê a obra pode prosseguir avante. A organização é muito mais ocultista que pode ser percebido e destina-se a ser a escola de treinamento dos vindouros ocultistas avançados... na Maçonaria você tem os três caminhos que levam à iniciação. Por enquanto eles não são usados, e uma das coisas que resultarão - quando a nova religião universal tiver o controle e a natureza do esoterismo for compreendida - será a utilização do organismo esotérico unificado, o organismo maçônico e o organismo Igreja como centros de iniciação. Esses três grupos convergirão à medida que seus santuários forem aproximados. Não há dissociação entre a Igreja Única Universal, a Loja interna sagrada de todos os verdadeiros maçons e os círculos mais internos das sociedades esotéricas." [pgs 511, 513]

"Os três canais principais por meio dos quais a preparação para a Nova Era ocorrerá pode ser considerados a Igreja, a Fraternidade Maçônica e o Campo Educacional.... A Fraternidade Maçônica tem a custódia da lei; é o lar dos Mistérios e o trono de iniciação. Contém em seu simbolismo o ritual da Deidade, e o caminho da salvação é preservado de forma simbólica em suas obras. Os métodos da Deidade são demonstrados em seus Templos, e sob o Olho Que Tudo Vê, a obra pode avançar. É uma organização muito mais ocultista do que normalmente é percebido é destina-se a ser a escola de treinamento para os futuros ocultistas avançados. Em suas cerimônias estão ocultas o poder das forças conectadas com o crescimento e a vida dos reinos da natureza e o desdobramento dos aspectos divinos no homem. Na compreensão de seus simbolismos virá o poder de cooperar com o plano divino. Ela atende à necessidade daqueles que trabalham no primeiro Raio da Vontade, ou do Poder." [pg 511, ênfase minha]

 

"No grupo esotérico, que é composto dos verdadeiros esotéricos espirituais encontrados em todos os grupos ocultistas exotéricos.... na Maçonaria você tem os três caminhos que levam à iniciação. Agora eles não são usados e uma das coisas que resultará - quando a nova religião universal dominar... será a utilização dos organismos esotéricos, a Maçonaria e a Igreja como centros de iniciação. Esses três grupos convergem como o interior sagrado da Loja de todos os verdadeiros maçons, e os círculos mais internos das sociedades esotéricas. Três tipos de homens têm suas necessidades atendidas, três raios principais são expressos, e os três caminhos para o Mestre são trilhados, levando todos os três ao mesmo portal e até o mesmo hierofante [Sumo Sacerdote, o Anticristo]" [pg 513]

Novamente, Bailey proclama para todos que quiserem ouvir que a Maçonaria é a escola de treinamento ocultista para aqueles que serão os apoiadores principais do futuro "Mestre", "Hierofante", Anticristo. Ela afirma que a Maçonaria se fundirá no fim dos tempos com a Igreja Universal, também conhecida hoje como Movimento Ecumênico. Nas notícias do dia a dia, podemos ver a formação da Igreja Universal, promovida pelo Movimento Ecumênico.

"Não há dúvida, portanto, que a obra a ser feita para familiarizar o público geral com a natureza dos Mistérios... Esses Mistérios serão restaurados à expressão exterior por meio da Igreja da Fraternidade Maçônica" [pg 514].

"Quando o Grande vier com seus discípulos e iniciados, teremos a restauração dos Mistérios e sua apresentação exotérica, como conseqüência da primeira iniciação. Como pode ser? Porque o Cristo... é o Hierofante [Sumo Sacerdote, Anticristo] da primeira e da segunda iniciação, e ele administrará a primeira iniciação nos santuários internos daqueles corpos. [Maçonaria e Igreja]" [pg 514-515]

“Dentro da ONU está o germe e a semente de um grande grupo internacional de meditação e reflexão – um grupo de pensadores bem informados, em cujas mãos está o destino da Humanidade. Eles estão sob o controle de muitos discípulos do ‘quarto raio’ [...] e seu foco é o plano de intuição Búdica – o plano que comanda toda atividade hierárquica”

   Alice B. Bailey [1] -Discipleship in the New Age

[1] Alice B. Bailey, Discipleship in the New Age, Lucis Press, 1955. Links para A Bailey:http://beaskund.helloyou.ws/netnews/bk/toc.html Alice baihttp://www.lucistrust.org/http://www.conspiracyarchive.com/NewAge/Alice_Bailey.htm

Resenha do Livro "Morals and Dogma of the Ancient and Accepted Scottish Rite of Freemasonry"

Informações Bibliográficas : "Morals and Dogma of the Ancient and Accepted Scottish Rite of Freemasonry", de Albert Pike, publicado Kessinger Publishing Co., 1992, ISBN 1564592758.

Propósito Declarado do Autor : Pike propõe-se a registrar fielmente as crenças antigas [arcanas] dos Mistérios, sobre os quais a Maçonaria foi fundada. Ele registra os ensinos dos Primeiro Grau até o Trinta e Dois. Este livro é considerado a obra clássica da Maçonaria moderna de todos os tempos.

Pontos Fundamentais : Pike ensina que a Maçonaria é uma religião [pg 213, Décimo Terceiro Grau]; 2) Confirma que a Maçonaria é a religião de um mundo unificado, que abraça todas as religiões dos mistérios antigos [pg 524 e 541, Vigésimo Sexto Grau; pg 624, Vigésimo Oitavo Grau]; 3) A Maçonaria mente para seus membros até que estejam prontos para "aceitar a verdade" [pg 224, Décimo Quarto Grau; pg 840, Trigésimo Segundo Grau; pg 103-5, Terceiro Grau; pg 329, Vigésimo Grau; pg 817, Trigésimo Grau]; 4) A Maçonaria adora a natureza, especialmente o sol [pg 718, Vigésimo Oitavo Grau; pg 718 e 776, Vigésimo Oitavo Grau; pg 643-4, 672]; 5) O ensino da Maçonaria sobre Jesus Cristo cumpre a definição bíblica do Anticristo em 1 João 4:1-2, na página 563, 567, Vigésimo Sexto Grau; ensina que Jesus Cristo não é único, pg 539, 576, Vigésimo Sexto Grau];

 

Pontos Fundamentais (continuação) ...6) Deus é deus das forças [pg 102, Terceiro Grau], cumprindo assim a profecia em Daniel 11:38]; Deus não é um ser absoluto, pg 223, Décimo Quarto Grau; Deus habita em toda a matéria, como ensina o hinduísmo, pg 710, Vigésimo Oitavo Grau]; 7) A vida eterna é obtida pelas obras, pg 219, Décimo Quarto Grau, pg 399, Vigésimo Quarto Grau; pg 538, Vigésimo Sexto Grau]; 8) A deusa Ísis outorga "novo nascimento" às pessoas a quem os segredos de sua religião podem ser confiados, pg 338, Vigésimo Quarto Grau].

Importância do Livro; Contribuição Oferecida : [Citando a editora Kessinger Publishing] "A Maçonaria e os rituais maçônicos de acordo com Albert Pike. Se você quer ler apenas um livro sobre Maçonaria, o livro é este! Albert Pike foi a primeira pessoa a escrever uma análise detalhada explicando o significado dos vários graus do Rito Escocês Antigo e Aceito da Maçonaria. Ele escreve em um estilo esotérico e filosófico; não é uma leitura fácil. Todos os graus no Rito Escocês são explicados..."

As Informações Apresentadas São Novas? Não.

Se as Informações Não São Novas, Acrescenta Novidades? Sim, Albert Pike ainda é considerado hoje como a maior autoridade da Maçonaria. Quando os maçons escrevem para nós, freqüentemente citam Albert Pike. Ele é considerado o maior maçom de todos os tempos.

Recomendação : Recomendamos esta importantíssima "luz" da Maçonaria a todos os nossos leitores, para que possam ver por si mesmos o que a Maçonaria ensina. Compare esses ensinos com a Bíblia, para que ninguém mais possa dizer novamente a você que a Maçonaria seja "cristã"; é simplesmente uma cristã falsificada.

Os Maçons Declaram Que a Maçonaria é uma Religião!


Vamos parar aqui por um instante, para analisarmos a atual mentira maçônica de que sua organização não é uma religião. Vejamos algumas citações:

"Toda loja maçônica é um templo de religião, e seus ensinamentos são instrução em religião." [Morals and Dogma, Albert Pike, pg 231-L]

"Ela [a Maçonaria] é a religião universal, eterna e imutável, como Deus a plantou no coração da humanidade universal." [Ibidem, pg 219-M]

"Mas as organizações maçônicas nas quais estas lendas foram cultivadas, como as lojas maçônicas de hoje, eram corpos religiosos."
[The Holy Bible: The Great Light In Masonry, King James Version, Temple Illustrated Edition, A. J. Holman Company, 1968, pg 26]

"... a Maçonaria pode perfeitamente reivindicar ser chamada de instituição religiosa." [A New and Revised Edition: An Encyclopaedia of Freemasonry and Its Kindred Sciences, de Albert Mackey, MD, Grau 33, volume II, pg 618]

NOVA ERA

E o que vemos, é que atualmente, cada um já tem sua própria verdade religiosa. Deus já é uma "opção ou crença pessoal". Mais uma vitória da Nova Era.
O Movimento foi alicerçado por Alice Bailey,  a qual foi reconhecida como a sumo-sacerdotiza, e escreveu vários livros, dentre eles "O Reaparecimento do Cristo".
A revelação do Movimento e sua divulgação aconteceu em 1975, 100 anos após sua fundação. A ordem era trazer à luz do público o "PLANO" para Nova  Ordem Mundial. A revelação do Movimento deveria acontecer juntamente com a anunciação de um "Cristo da Nova Era", usando todos os meios de comunicação. Os alicerces do movimento, porém, se devem à médium espírita Alice Bailey, que cunhou o nome Nova Era, e que dizia receber mensagens, por via mediúnica, de um mestre tibetano, chamado Djawal Khul. Tais mensagens, impressas pelas Publicações Lúcifer com o titulo "O aparecimento de cristo", constituíram o plano do movimento. Deviam, porém, ficar secretas até 1975, ano previsto para a difusão da Nova Ordem Mundial, encabeçada por um chefe dito "o cristo da Nova Era".

Lucis Trust, cujo nome original era Lucifer Trust. Foi fundada na Inglaterra em 1922, pelo casal Alice e Foster Bailey. A organização controla a única capela existente na sede da ONU, em Nova Iorque. Além do satanismo aberto, a Lucis Trust fomenta o malthusianismo, a Nova Era e o ecologismo.

Entre os patrocinadores oficiais da organização, encontram-se destacadas figuras do establishment anglo-americano, como Henry Clausen, ex-Supremo Grande Comendador do Conselho Supremo, grau 33 da maçonaria escocesa; John Rockefeller, Robert McNamara, Thomas Watson, ex-embaixador dos Estados Unidos na Tailândia, e o rabino Marc Tannenbaum, diretor do Comitê Judaico Americano.


“Respondendo Jesus, disse-lhes: Vede que ninguém vos engane. Porque virão muitos em meu nome, dizendo: Eu sou o Cristo, e seduzirão muitos.” (Mt. 24, 4-5)

A nova era quer negar que Jesus é Deus, ou seja, a 2º pessoa da Santíssima Trindade, e colocar Jesus como um avatar! Essa coisa de AVATAR NÃO EXISTE!

1º pessoa da Santíssima Trindade = Deus

2º pessoa da Santíssima Trindade = Jesus

 3º pessoa da Santíssima Trindade = Espírito Santo

A NOVA ERA VISA NEGAR ISSO! E abrir o caminho para a manifestação do Anticristo, como o "AVATAR SUPREMO" !

A literatura da Nova Era se refere, com muita freqüência a "O PLANO". Esta expressão aparece também na GRANDE INVOCAÇÃO que seria uma oração modelo para os adeptos da Nova Era, como a oração do "Pai Nosso" para os Cristãos.  Mas  o que vem a ser O PLANO?

1. ESTABELECER UMA NOVA RELIGIÃO MUNDIAL E UMA NOVA ORDEM POLÍTICA E SOCIAL

2. A NOVA RELIGIÃO MUNDIAL SERÁ O RENASCIMENTO DO MISTÉRIO DA BABILÔNIA

3. O PLANO SERÁ CONCRETIZADO QUANDO O MESSIAS DA NOVA ERA ASSUMIR O CONTROLE, QUANDO O NÚMERO 666 SERÁ  APLICADO E A NOVA RELIGIÃO ESTABELECIDA

4. ESPÍRITOS CÓSMICOS IRÃO AJUDAR A INAUGURAR A NOVA ERA E ACLAMAR O HOMEM-DEUS DA NOVA ERA COMO MESTRE DO MUNDO.

5. A PAZ MUNDIAL, AMOR E UNIÃO SERÃO SLOGANS DA RELIGIÃO.

6. O ENSINO DA NOVA ERA IRÁ ABRANGER O MUNDO TODO.

7. LÍDERES DA NOVA ERA IRÃO DEMONSTRAR QUE JESUS NÃO ERA O CRISTO.

8. CRISTIANISMO E OUTRAS RELIGIÕES SERÃO INTEGRADAS NA RELIGIÃO MUNDIAL

9. PRINCÍPIOS CRISTÃOS SERÃO DESACREDITADOS E ELIMINADOS

10. CRIANÇAS SERÃO SEDUZIDAS ESPIRITUALMENTE NAS ESCOLAS PARA PROMOVEREM A NOVA ERA

11. A HUMANIDADE SERÁ LEVADA A CRER QUE O HOMEM É DEUS

12. CIÊNCIA E RELIGIÃO SERÃO UNIFICADAS

13. CRISTÃOS QUE RESISTIREM A ESTE PLANO SERÃO EXTERMINADOS.
(vide perseguição das aparições de Nossa Senhora e das profecias católicas)

(Dark Secrets of the New Age, pág. 18)

 

A MAÇONARIA E A NOVA ERA

O que é a Maçonaria?
Maçonaria é uma sociedade com fins filantrópicos, humanitários e filosóficos. Para fazer parte desta sociedade, constituída de homens que entram por convite, é necessário ser religioso, porém não podem levar essa religião para sua loja. Sua doutrina é secreta. A Bíblia é o livro da Lei Santa, é a primeira e mais importante das 3 grandes luzes que iluminam simbolicamente a loja. Lúcifer seria um arcanjo perdido e injustamente condenado.
Para a maçonaria, o bode na posição direita ou invertida, torna-se o que há de mais nobre na essência do homem.  É a sociedade secreta mais forte do mundo. Tem sua própria constituição que é acima de qualquer constituição do mundo.  Tem seus sócios em todas as instituições exercendo sempre cargos de confiança..
O grande propósito do mestre maçom é estabelecer através da compreensão, da fraternidade, da igualdade e da perfeição, a ligação entre os homens e "deus". Esta ligação se faz com a interação dos dois triângulos invertidos e entrelaçados que formam a estrela de Davi (judeus) ou o Hexalfa.
E a força que movimentará esta união será a da energia do mundo subjetivo do homem, simbolizado no polígono interior da estrela.
O Movimento Nova Era segue os ensinamentos dessas duas organizações, que tem por objetivo preparar o caminho para a chegada daquele que, segundo eles, colocará uma Nova Ordem no Mundo.
Vejamos as semelhanças de alguns dos ensinos:

A maçonaria fala do homem subjetivo.
O Movimento Nova Era fala do deus subjetivo.

O Movimento Nova Era no livro "O Reaparecimento  do Cristo" de Alice A. Bailey mostra que o ponto dentro do triângulo é "o Cristo", que chegará  para despertar os corações dos homens e instituirá corretas relações humanas, permanecendo incomovível onde se encontra e sendo simplesmente o que ele é.

Maçonaria é uma religião ? Os maçons dizem que não é uma religião, mas “é religiosa", porque reconhece a existência de um único princípio criador, regulador, absoluto, supremo, e infinito ao qual se dá o nome de GRANDE ARQUITETO DO UNIVERSO (GADU), porque é uma entidade espiritualista em contraposição ao predomínio do materialismo. Estes fatores que são essenciais e indispensáveis para a interpretação verdadeiramente religiosa e lógica do universo, formam a base de sustentação e as grandes diretrizes de toda ideologia e atividade maçônica.”.. Em a Maçonaria e o Livro Sagrado, p.108, lemos: “Assim, o dizer-se que a Maçonaria não é uma religião, pois aceita em suas colunas homens de bons costumes, crentes em Deus e de qualquer crença religiosa, ela encerra a mais completa Religião Universal, porque sua religião está fora de discussão dogmática...”
Seu objetivo – “...tem por objetivo unir os homens entre si. União recíproca, no sentido mais amplo e elevado do termo. É nesse seu esforço de união dos homens, admite em seu seio pessoas de todos os credos sem nenhuma distinção” .

Quem é Jesus Cristo na Maçonaria? Um simples mestre e fundador de religião como: Buda, Maomé, Krisna e outros.  Apesar de orarem sempre em suas reuniões nunca o fazem em nome de Jesus. No ritual do grau 32 Jesus é apresentado como um grande filósofo e reformador ao lado de Confúcio, Zaratrusta, Buda, Maomé, Moisés e outros.
Porém Jesus disse:
"Eu sou o caminho, a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai, senão por mim. (Jo 14, 6) Negar que Jesus é Deu,s

A Bíblia na Maçonaria: É chamada de Volume do Conhecimento Sagrado (VCS),  uma das decorações da Loja, juntamente com o Esquadro e o Compasso. Os candidatos juram sobre o VCS sua própria religião ( Vedas, Tripitaca, Agamas, Anacletos, Corão etc.)

Texto relacionado:

Albert Pike - Conspiração Luciferina - CLIQUE AQUI