A Manifestação do Anticristo                     

'Deve vir a apostasia e manifestar-se o Homem da Iniqüidade, o Filho da Perdição, o Adversário, aquele que se levanta contra tudo que é divino e sagrado, chegando até mesmo a sentar- se no Templo de Deus e a proclamar-se Deus...o Senhor Jesus o destruirá com o sopro de sua boca e o aniquilará com o esplendor da sua vinda. A vinda do Ímpio será acompanhada do poder de Satanás, de toda espécie de milagres, sinais e prodígios...'
(2Tessalonissenses 2, 3-9)

'A terra inteira se encheu de admiração e seguiu a Besta...foi-lhe permitido fazer guerra aos santos e vencê-los. Recebeu poder sobre toda tribo, povo, língua e nação. E a adoraram todos os habitantes da terra cujo nome não está escrito, desde o princípio do mundo, no Livro da Vida do Cordeiro Imolado...por causa do poder de fazer maravilhas, acaba seduzindo os habitantes da terra...

Foi-lhe dado o poder de fazer perecer todos os que não se prostrassem diante da imagem da Besta...fez com que todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, recebessem na mão direita ou na fronte a marca da besta. Ninguém podia comprar ou vender senão quem tivesse, como marca, o nome da besta ou o número de seu nome. Aqui se requer sabedoria. Quem tiver inteligência, calcule o número da besta, porque é o número de um homem. Seu número é 666.'
(Apocalipse 13)

'Antes do advento de Cristo a Igreja deve passar por uma provação final que abalará a fé de muitos crentes...sob a forma de uma impostura religiosa que há de trazer aos homens uma solução aparente aos seus problemas, às custas da apostasia da verdade.'
(Catecismo da Igreja Católica , 675)

Profecia de São Nilo (século V):

'Depois do ano 1900, por meados do século XX, as pessoas se tornarão irreconheciveis...quando se aproximar o tempo da vinda do Anticristo, a inteligência dos homens sérá obscurecida pelas paixões carnais: a degradação e o desregramento se acentuarão...as leis morais e as tradições dos cristãos e da Igreja mudarão...tudo isso se deverá ao fato de o Anticristo querer ser o senhor de todas as coisas e o mestre do universo. Ele realizará milagres e sinais inexplicáveis...e Deus, infinitamente bom, vendo a decadência da raça humana, abreviará os dias...então a espada do castigo virá de repente e durrubará o Corruptor e seus servidores.'

Profecia de Santa Hildegarda (século XII):

'O Anticristo reinará por um breve tempo...apresentar-se-á como Messias enviado por Deus e os judeus o aceitarão como tal...desprezará as leis e os princípios religiosos para atrair o mundo a si. Concederá total liberdade em relação aos mandamentos de Deus, permitindo que cada um viva o sabor de suas paixões. Pregará o amor ilícito e destruirá os laços familiares. Afirmará que os pecados e vícios não são nem pecados nem vícios.'

Maria em La Salette (França, 1846):

'O Vigário do Meu Filho terá muito o que sofrer, porque por um tempo a Igreja será entregue a grandes perseguições - será o tempo das trevas. A Igreja terá uma terrível crise...haverá guerras, até a última, que será feita então pelos dez reis aliados do Anticristo, que terão todos o mesmo desígno, e serão os únicos a governar o mundo...o Anticristo nascerá de uma falsa virgem...ele será o demônio encarnado...Roma perderá a fé e se tornará a sede do Anticristo...os demônios, junto com o Anticristo, farão grandes prodígios na terra e nos ares, e os homens irão se perverter cada vez mais.'

Maria ao Padre Stéfano Gobbi (Itália):

'A maçonaria, ajudada pela maçonaria eclesiástica, conseguirá o seu grande intento: construir um ídolo para colocar no lugar de Cristo e de Sua Igreja. Um falso cristo e uma falsa Igreja, que assinalará com a sua marca todos aqueles que queiram comprar ou vender...a apostasia será então generalizada porque quase todos seguirão o falso cristo e a falsa igreja. Então, estará aberta a porta para o aparecimento do homem ou da própria pessoa do Anticristo.' (17/06/1989)

'A Igreja conhecerá a hora de sua maior apostasia, o homem iníquo introdur-se-á no seu interior e sentar-se-á no próprio Templo de Deus, enquanto o pequeno resto que permanecer fiel será submetido às maiores provações e perseguições.' (13/05/1990)

'Quando o este Papa (João Paulo II) tiver cumprido a missão que Jesus lhe confiou e eu descer do céu para acolher o seu sacrifício, todos sereis envoltos por uma densa treva da apostasia, que terá se tornado então generalizada.' (13/05/1991)

'O Anticristo entrará no Templo Santo de Deus e sentar-se-á no Seu trono, fazendo-se adorar ele mesmo como Deus...acolhendo a doutrina protestante se dirá que a missa não é um sacrifício, mas somente a recordação do que Jesus fez na última ceia. E assim será suprimida a celebração da Santa Missa.' (31/12/1992)

Jesus a Vassula Ryden (Suíça):

'A rebelião penetrou no próprio coração da Minha Igreja...quem Me renega é o Anticristo, pois renega o Pai, o Filho e o Espírito Santo que são um...sua meta é de distorcer as Escrituras do início ao fim...nega a Minha Ressurreição e a Minha Plena Divindade...um falso cristo, uma imagem sem vida, um ídolo, sutilmente escondido sob um falso ecumenismo.' (04/06/1988)

'A rebelião, hoje, já está em ação, mas em segredo. E aquele que a impede (o Papa João Paulo II) terá de ser afastado, antes que o Rebelde apareça abertamente...uma grande tribulação aproxima- se da Minha Igreja...obedecei ao Meu Papa, aconteça o que acontecer, e eu vos darei as graças e a força que tiverdes nescessidade...o Papa terá muito o que sofrer. E isto porque vós sereis todos perseguidos, por terdes proclamado a verdade. Por isso vos odiarão...estai atento! O fermento do Embusteiro pode ser poderoso e pode ter mesmo um bom sabor...mas na realidade, é um engano mortal!' (13/03/1993)

'O Inimigo, aquele que pretende ser maior do que tudo quanto é venerado, entronizar-se-á a si mesmo no Meu Santuário...aquele que foi designado por Mim (o Papa João Paulo II) detém a rebelião prestes a explodir. Ele é forte e soberano, mas sua vida está a caminho do sacrifício.' (27/05/1993)

A 'Nova Era' ('New Age', em inglês), ou 'Era de Aquário', é um movimento místico-religioso de extensão mundial, formado pela fusão de idéias de várias religiões, como: espiritismo, reencarnação, ioga, esoterismo, astrologia, cristais, pirâmidologia, gnomos, angeologia, magia, óvnis estraterrestres, etc.

Nega a idéia de um Deus pessoal e afirma que 'tudo quanto existe é Deus' (panteísmo); afirma que o próprio homem é Deus.

Nega a divindade de Jesus Cristo e o coloca como um mestre universal, ao lado de Buda, Krishna e outros.

Afirma que está terminando a era de Peixes, que seria a era de Cristo (nos primeiros séculos o peixe era o símbolo de Cristo) e está começando a era de Aquário, quando viria Maitreya, esperado por várias religiões sob diferentes nomes: Messias, para os judeus; o quinto buda, para os budistas; Mahdi, para os muçulmanos; Krishna, para os hindus; Cristo, para os cristãos, na sua segunda vinda a terra.

A Nova Era apresenta Maitreya como um grande mestre universal que já viveria entre nós, aguardando apenas o momento de certo de se manifestar, trazendo a paz ao mundo e unificando todas as religiões em torno dele.

Não seria Maitreya o Anticristo?